ReinoAnimalia
FiloArthropoda
ClasseInsecta
OrdemColeoptera
FamíliaMeloidae
Género
Espécie

Berberomeloe majalis

Linnaeus, 1758
Vaca-loura, Arrebenta-bois
Estatuto de Conservação: NE - Não Avaliado
Saber mais

Trata-se de um coleóptero cujo comprimento varia entre 1,5 cm e 7,5 cm. Distingue-se facilmente pelo abdómen negro e alongado, geralmente ornamentado por bandas vermelhas transversais (podem, no entanto, estar ausentes nalguns indivíduos). Essas bandas vermelhas servem como sinal de aviso para os predadores, actuando como dissuasoras de um potencial ataque, uma vez que esta espécie liberta um fluído composto por substâncias tóxicas quando ameaçada. O estado larvar é parasítico e hipermetabólico, existindo diferenças morfológicas nos vários ínstares larvares. A cabeça do macho é maior do que a da fêmea. Na fase adulta são fitófagos.

Ocorre, preferencialmente, em zonas áridas e secas, habitando biótopos solarengos tais como prados e clareiras de matos mediterrânicos. Pode também ocorrer em zonas arborizadas por carvalhos (Quercus sp.) e coníferas (Pinophyta).

Distribui-se por toda a Península Ibérica, sendo que, em Portugal continental, ocorre com maior incidência no interior e no sul do território.

Onde se pode encontrar:
Sem ameaças a destacar.
Sem medidas a destacar.
Meloe majalis
Mais sobre esta espécie nas ligações seguintes:
Fauna Europaea | All European Animal Species Online
Distribuição do Berberomeloe majalis
MITRA nature | ICAAM - Universidade de Évora
Biodiversidade da Herdade da Mitra
Autor: Guilherme Freitas (sob supervisão do MVBIO)
Descrição Habitat Distribuição Multimédia Ameaças Conservação Sinonímias