ReinoChromista
FiloForaminifera
OrdemRotaliida
FamíliaGlobigerinidae
Género
Espécie

Globigerinoides altiaperturus

Bolli, 1957
Estatuto de Conservação: Sem relação
Saber mais

Espécie de foraminífero planctónico fóssil, sem representantes actuais, caracterizada por ser estacionária e omnívora. Terá existido durante o Miocénico, especificamente no Burdigaliano (20.43Ma – 19.0Ma).

Espécie característica de habitats marinhos, carbonatados, de estuários e recifes.

Ocorre na secção da Foz da Fonte e na secção da Trafaria.

Globigerinoides altiapertura, Globigerinoides triloba subsp.
Mais sobre esta espécie nas ligações seguintes:
Sen et al. (1992)
Sen, S., Antunes, M. T., Pais, J., Legoinha, P (1992). Bio and magnetostratigraphy of Lower Miocene sections, Tagus basin (Portugal). Ciências da Terra (UNL), no 11, pp. 173-184.
Antunes et al. (1997)
Antunes, M. T., Elderfield, H., Legoinha, P., Nascimento, A., & Pais, J. (1997). A stratigraphic Framework for the Miocene from the Lower Tagus Basin (Lisbon, Setúbal Peninsula, Portugal) Depositional Sequences, Biostratigraphy and Isotopic Ages. Rev.Soc.GeoI.Espana, 12 (1)
Antunes et al. (1998)
Antunes, M. T., Civis, J., González-Delgado, Legoinha, P., Nascimento, A., Pais, J. (1998). Lower Miocene stable isotopes (ẟ18O, ẟ13C), Bioestratigraphy and environments in the Foz da Fonte and Penedo sections (Setúbal Peninsula, Portugal). Geogaceta, 23.
Legoinha (2001)
Legoinha, P. (2001). Bioestratigrafia de Foraminíferos do Miocénico de Portugal (Baixo Tejo e Algarve): Tese Doutoramento Univ. Nova de Lisboa, 290p.
Autor: Maria Helena Pedrosa Oliveira
Descrição Habitat Distribuição Sinonímias