ReinoAnimalia
FiloChordata
ClasseReptilia
OrdemTestudines
FamíliaDermochelyidae
Género
Espécie

Dermochelys coriacea

Vandelli, 1761
Tartaruga-de-couro
Estatuto de Conservação: VU - Vulnerável
Saber mais

É a maior de todas as tartarugas marinhas, com carapaça fusiforme que tem entre os 1,30 e 2,50 m de comprimento. Ao contrário das outras tartarugas a sua carapaça não é óssea, sendo negra e constituída por um tecido macio. Apresentam 7 quilhas longitudinais dorsais e 5 quilhas ventrais. Está coberta por uma pele coriácea oleosa e grossa, não apresentando escamas ou escudos córneos. A sua coloração é cinzenta escura a preta, com manchas esbranquiçadas, tornando.se mais clara no ventre. As fêmeas distinguem-se dos machos por terem uma cauda menor e apresentarem uma mancha rosa no topo da cabeça.

Espécie marinha pelágica que vive em alto mar em ambas as fases, juvenil e adulta, e que só se aproxima da costa na época de reprodução. Alimentam-se de medusas, de ascídias e de outros outros invertebrados marinhas de corpo mole. Nidifica no Outono e Inverno, com um ciclo de nidificação de 2 a 3 anos.

Distribuição global incluindo a costa continental portuguesa, e os Arquipélagos da Madeira e dos Açores, apesar de não corresponderem a nenhuma praia de nidificação. São a segunda espécie de tartaruga mais abundante nas águas nacionais (sendo a mais abundante a tartaruga-comum – Caretta caretta).

Onde se pode encontrar:
-captura acidental em palangres dirigidos ao espadarte e atum
-poluição
-aumento da temperatura média do mar
A fim de planear melhor estas acções de conservação, é importante que se identifiquem as praias de origem dos animais das nossas águas através da análise genética dos animais arrojados, da marcação de animais capturados e, se possível, do seu seguimento via satélite. Estudos alimentares com base em animais arrojados seriam, também, importantes para esclarecer melhor o papel do território português na ecologia da espécie.
Testudo coriacea
Mais sobre esta espécie nas ligações seguintes:
Plastic ingestion by a Leatherback turtle Dermochelys coriacea from the Azores (NE Atlantic)
Barreiros & Barcelos 2001
Influence of anthropogenic factors in the comunity of sea turtles in portuguese continental waters
Nicolau 2017
Autor: Sónia Cardoso
Descrição Habitat Distribuição Multimédia Ameaças Conservação Sinonímias